COMASA apresenta case de sucesso em eficiência energética e redução de perdas em encontro do ProEESA

A cidade de Santa Rita do Passa Quatro, localizada no interior de São Paulo, sediou na última quinta-feira (28/02), o 8º Encontro da Rede de Aprendizagem em Planos de Gestão de Água e Energia. O evento, organizado pela Agência Reguladora ARES-PCJ, integra as atividades do Projeto de Redução de Perdas e Eficiência Energética no Abastecimento de Água (ProEESA). Essa inciativa é uma parceria entre os governos do Brasil, por meio da Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades e da Alemanha por meio do Ministério Federal da Cooperação Econômica e do Desenvolvimento (BMZ), executado pela Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável - Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ).

Participaram da abertura do Encontro, o prefeito de Santa Rita do Passa Quatro, Leandro Luciano dos Santos, que recebeu os participantes do evento ressaltando a importância da eficiência na prestação dos serviços de água e esgoto,  e o diretor-técnico da COMASA, engenheiro Carlos Roberto Ferreira, que parabenizou, em discurso, a ARES-PCJ pela relevância da iniciativa. Estavam presentes também profissionais do DAE Americana, DAE Jundiaí, SAAEP Pirassununga, SAAE Sorocaba, SAAEB Brotas, SAAE São Carlos, CODEN Nova Odessa, COMASA Santa Rita do Passa Quatro, SAAE Porto Feliz e CIS Itu.

Na sequência, o gerente de operações da COMASA, Félix Antônio de Moura, apresentou aos convidados os resultados de sucesso alcançados pela concessionária com o case Eficiência Energética e Redução de Perdas de Água.

Na COMASA, um dos maiores desafios era a redução na energia elétrica usada na operação. Por isso, foram realizadas uma série de ações para que a estação obtivesse mais eficiência. A captação e a Estação de Tratamento de Água(ETA) foram os principais processos da ação, com melhorias no uso das bombas e troca dos rotores. A segunda ação foi a instalação de um banco de capacitores e sua automatização. Com essas ações o custo de energia consumida na operação dos sistemas da estação, foi reduzido de 34% para 25% do custo total.

Outro destaque da COMASA é a redução do índice de perdas de água. No início das operações, a cidade de Santa Rita do Passa Quatro, apresentava índice de 61% de perdas totais (físicas e comerciais).

Entre as medidas que foram tomadas para reduzir o problema, está a realização de um estudo de setorização, que visa estabelecer um maior monitoramento da rede, individualizando cada bairro da cidade.

Mesmo com o estudo ainda em andamento, bons resultados já foram verificados, principalmente relacionados à redução da pressão nas redes. Por exemplo, 40% das residências da cidade necessitavam de pressão na rede para garantir a regularidade do abastecimento. Para garantir o controle dessa pressão, foi realizada a instalação de um inversor de frequência e a otimização da distribuição de água, o que envolveu a reativação de dois antigos reservatórios. Dessa forma, verificou-se uma grande redução de perdas, além de beneficiar bairros que antes sofriam com a falta de água.

Outras importantes medidas realizadas foram relacionadas ao geofonamento de 73% das redes de água para identificação de vazamentos e a renovação de 60% do parque de hidrômetros da cidade. Com todas estas medidas, a COMASA conseguiu reduzir o índice de perdas para aproximadamente 26%.

Este case obteve em 2017 reconhecimento nacional e conquistou a 2º colocação, na categoria Técnica, no Prêmio Sustentabilidade, realizado pelo Sindcon (Sindicato Nacional das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto).